5 Desenvolvimento e acesso de novos métodos e metodologias de ensino e aprendizagem

As experiência pedagógicas vivenciadas pela equipe ao longo do dos projetos Meninas nas Ciência de Dados e neste último ano no projeto Ciência de Dados na Escola Pública tem nos permitido consolidar uma proposta de aprendizado que incluam os diferentes participantes da educação pública. Portanto, partindo inicialmente de diversos debates, palestras e encontros com os estudantes, durante os meses de janeiro e fevereiro de 2021, serão realizados estudos avançados em metodologias de ensino voltadas para a educação pública. Serão estudadas as metodologias desenvolvidas e utilizadas pela:

  1. Preuss School, escola voltada para a formação de estudantes do ensino fundamental II e médio, de baixa renda, que se esforçam para se tornarem os primeiros em suas famílias a ingressarem na universidade e concluírem o nível superior. Localizado no campus da Universidade da Califórnia San Diego (UCSD), os estudantes têm a oportunidade de utilizar a estrutura universitária da UCSD e vivenciarem um ambiente que os incentiva a tomada de riscos intelectuais, oferecendo uma variedade de apoios acadêmicos. Quase 100% dos seus estudantes ingressam e concluem o nível universitário, concorrendo com estudantes de escolas públicas e privadas;

  2. CREATE, órgão da UCSD que apoia e promove projetos e ações educacionais visando o desenvolvimento de estudantes e a capacitação de professores, considerando suas necessidades locais, e promovendo o seu acesso à universidade;

  3. Lemann Center for Educational Entrepreneurship and Innovation in Brazil da Universidade de Stanford, que apoia uma variedade de projetos de pesquisa e inovação, com foco na melhoria das oportunidades de aprendizagem para estudantes socialmente desfavorecidos dentro e fora do sistema público de ensino;

  4. You Cubed da Universidade de Stanford, grupo de pesquisa cujos projetos visam inspirar, educar e capacitar professores de matemática e transformar as recentes pesquisas sobre matemática em formas acessíveis e práticas;

  5. Transformative Learning Technologies Lab (TLTL) da Universidade de Columbia, grupo multidisciplinar que projeta e pesquisa novas tecnologias para a educação.

Ao final, pretende-se construir propostas de ferramentas e metodologias considerando a realidade do público escolar que faz parte do projeto e das escolas públicas de Salvador e da Bahia. Até então, os seguintes contatos foram realizados:

  • Reunião presencial e troca de e-mails com Tamika Franklin- Diretora de Desenvolvimento da Preuss School. Apresentação do projeto e propostas de futuras parcerias (pós-pandemia), 10/03/2020.
  • Participação do Lemann Center Virtual Meeting da Stanford University. Apresentação dos projetos Meninas na Ciência de Dados e Ciência de Dados na Educação Pública a convite de um dos seus diretores, Prof. Eric Bettinger, 29/09/2020.
  • Reunião virtual com Raquel Coelho, doutoranda em International Compatative Education and in Learning Sciences and Technology Design do Lemann Center for Educational Entrepreneurship and Innovation in Brazil, 14/10/2020.
  • Reunião virtual com Tatiana Hochgreb-Haegeke e Guilherme Desiderio, responsáveis pelo Programa de Especialização Docente Brasil (PED Brasil), apoiado pela Stanford University em parceria com instituições de ensino superior brasileiras, 19/01/2020.